Cálculo Salário Líquido Correto e Sem Erros

Por mais fácil que pareça a definição de salário líquido para algumas pessoas (em especial aquelas que pensam saber de tudo), é bem verdade que muitos ainda desconhecem esse termo. Tanto que o cálculo do salário líquido muitas vezes é negligenciado, ignorado e tratado de forma equivocada ainda hoje por vários trabalhadores.

Muitos aos fazerem seus contratos de trabalho e quando vão receber seus proventos pela primeira vez não entendem o motivo pelo qual seu salário acertado (até como piso de categoria) veio bem abaixo do combinado e ficam extremamente confusos por não compreenderem como a empresa chegou naquele valor de proventos. Portanto, o cálculo do salário líquido é uma condição básica para que o trabalhador possa compreender e correr atrás de todos os seus direitos garantidos pela CLT.

Continue lendo o artigo e entenda de uma vez por todas o que é e como calcular corretamente o salário líquido.

Cálculo Salário Líquido

O Que é Salário Bruto?

Principalmente para os mais jovens essa explicação deve ser dada! E para que possamos compreender todas as características do salário líquido, tema do presente artigo de hoje, devemos antes entender o que de fato é o salário bruto.

O salário bruto, como o próprio nome diz, nada mais é do que o salário que o trabalhador tem direito a receber por todo o período de um mês trabalhado, nu e cru, direto de acordo com aquilo que reza no seu contrato de trabalho.

Podemos então dizer que o salário bruto é o salário integral do trabalhador sem qualquer tipo de desconto.

Leia Mais >  Calculadora Menstrual [Como Prevenir Imprevistos]

O Que é Salário Líquido?

Salário líquido é o provento que o trabalhador irá receber após descontar do seu salário bruto todos os benefícios, impostos, faltas, etc.

No fundo esse cálculo é extremamente simples e ocorre da seguinte maneira:

SALÁRIO LÍQUIDO = SALÁRIO BRUTO – DESCONTOS

Supondo que Carlos ganhe dois mil reais de salário bruto e teve quinhentos reais a nível de descontos em folha, qual o salário líquido que Carlos receberá?

SALÁRIO LÍQUIDO = SALÁRIO BRUTO – DESCONTOS
SALÁRIO LÍQUIDO = 2000 – 500
SALÁRIO LÍQUIDO = R$ 1500,00.

O salário líquido que Carlos terá direito a receber será de mil e quinhentos reais.

Descontos que Incidem no Salário

Salvo algumas raras exceções, em via de regra os descontos que incidem no salário do trabalhador são: a contribuição providenciaria, o fundo de garantia por tempo de serviço, imposto de renda retido na fonte e eventuais faltas calculadas por hora.

No caso da contribuição providenciaria ela pode variar dependendo da alíquota em que o trabalhador esta classificado. Que pode variar de 5% a 22% do salário bruto.

Já com relação ao fundo de garantia por tempo de serviço (FGTS), o desconto corresponde a 8% do salário bruto do trabalhador.

Sobre o Imposto de Renda, também é necessário checar na tabela específica do Leão em que alíquota o trabalhador irá se encaixar em função do salário bruto do mesmo, podendo variar entre 0 a 27,5%

E quantos as faltas é bastante simples, basta diminuir do salário bruto o valor proporcional de horas não trabalhadas.

Vejamos um exemplo prático

José trabalha no setor industrial e tem um salário bruto de quatro mil e cem reais por mês. Ele trabalha oito horas por dia, mas teve que faltar um dia por motivos pessoais. Quanto ele receberá efetivamente de salário líquido no final do período trabalhado e de quanto será o desconto na folha de pagamento?

Leia Mais >  Como Calcular Nota no Enem 2017 Facilmente

Vamos então coletar as informações do problema:

Salário bruto = R$ 4100,00
Desconto da previdência social = R$ 451,00 (11%) em sua faixa de contribuição.
Desconto do fundo de garantia por tempo de serviço = R$ 328,00 (8%)
Desconto do Imposto de Renda = R$ 307,50 (7,5%) primeira faixa de contribuição (podendo ter direito a restituição do valor após a entrega da sua declaração anual).
Desconto por falta ao trabalho = R$ 136,66

Então temos que:

4100,00 – 451,00 = 3649,00 – 328,00 = 3321,00 – 307,50 = 3013,50 – 136,66 = 2876,84

Ou seja o salário líquido de José foi de 2876,84 e o total de descontos em folha foi de 1223,16.

Nesse caso, o total de descontos sofridos por José em seu salário bruto foi elevado, contudo ele esta contribuindo numa faixa boa para a previdência e se não tivesse faltado nenhum dia de trabalho seus proventos seriam melhores.

De fato não há mistério para o cálculo do salário líquido, desde que você conheça as tabelas de referência do IR, INSS e FGTS. Todas elas podem ser obtidas facilmente nos site do ministério do trabalho e previdência social.

E então, já ficou a saber como fazer o cálculo salário liquido corretamente e sem erros?

Deixe a sua resposta nos comentários junto com alguma dúvida ou sugestão com que tenha ficado após a leitura dos artigo.

1 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 5 (1 votes, average: 5,00 out of 5, rated)
Loading...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *