Como Calcular Calculo Exato [ Rescisão Trabalhista ]

Quase todo mundo já passou em algum momento da vida pelo dissabor de ser demitido ou se ver obrigado a pedir demissão. Além do desconforto emocional tanto para empregado como para o empregador, é um período tenso e de várias incertezas, principalmente sobre como calcular calculo exato a rescisão trabalhista.

Você acha que vai passar por isso a qualquer momento? Ou mesmo já esta passando? Conhece alguém nessa situação e quer ajudar? Então continue lendo o artigo e saiba informações valiosas a respeito de como calcular calculo exato a rescisão trabalhista.

O Que é a Rescisão Trabalhista em Si?

A rescisão trabalhista nada mais é do que o próprio término do contrato de trabalho acordado entre o empregador e o trabalhador. É uma maneira não só de se formalizar o ato em si, mas também de garantir para ambos os direitos assegurados na Constituição.

Além disso, serve para documentar qual foi a parte que resolveu cessar aquela relação de trabalho: o empregador (demitindo) ou o trabalhador (pedindo demissão).

Por isso, é muito importante para todos os trabalhadores que tenham sua relação de trabalho formalizada!

A Importância da Carteira Assinada para a Rescisão

É muito importante que o trabalhador sempre que for possível insista junto ao empregador para que este assine sua carteira de trabalho para que ele consiga várias garantias, através da CLT e possa trabalhar com mais tranquilidade sem o medo de ficar sem emprego e renda do dia para a noite.

Dessa forma, o trabalhador de posse da carteira assinada, tem seu seguro desemprego garantido e sua rescisão trabalhista precisa ser calculada em seu próprio benefício.

Documentos Fundamentais Para a Rescisão Trabalhista

Em geral, os sindicatos ajudam o trabalhador no momento em que este precisa efetuar uma rescisão trabalhista. Mas no caso de sindicatos inoperantes, vale saber que precisará:

  • Carteira de trabalho com a baixa do empregador;
  • Aviso prévio dado pelo trabalhador em três vias devidamente homologado pelo próprio sindicato;
  • Atestado médico demissionário;
  • Extratos atualizados do FGTS;
  • Comprovante de adiantamentos;
  • Comprovante de horas extras realizadas e a cumprir  (se por acaso o trabalhador tiver menos que dezoito anos deverá estar acompanhado dos pais);

Mas isso para a situação de pedido de demissão!

Quanto a demissão sem justa causa, em geral os documentos são:

  • Carteira de trabalho com a baixa do empregador;
  • Aviso prévio;
  • Atestado médico demissionário especial;
  • Extratos do FGTS;
  • Guias do seguro desemprego;
  • Comprovante de horas extras;
  • Comprovante de pagamento de multa rescisória;
  • Entre outros…

Como Calcular Calculo Exato da Rescisão Trabalhista

Para calcular com exatidão o valor da rescisão trabalhista, basicamente você terá que saber a data do início do vínculo trabalhista, a data de encerramento desse trabalho e o motivo dessa rescisão, que pode ser:

  • Pedido de demissão;
  • Demissão sem justa causa;
  • Demissão com justa causa;
  • Término do contrato de experiência;
  • Rescisão antecipada do contrato de experiência pelo empregador;
  • Rescisão antecipada do contrato de experiência pelo empregado;
  • Falecimento do próprio empregado;

Além disso, o trabalhador também deverá saber para efeito de cálculo as seguintes informações: o valor do último salário, se por acaso teve aviso prévio e se ele foi indenizado ou não, se o empregado tinha filhos e férias vencidas a cumprir.

Vamos estudar um exemplo prático de como calcular calculo exato?

João foi admitido no dia 21 de janeiro do ano de 2001 e teve sua rescisão com data par ao dia 21 de maio de 2017. O salário base de João é de dois mil reais e foi ele quem pediu demissão! Ele trabalhou durante o aviso prévio, tinha férias vencidas a gozar e possui um lindo filho.

Como Calcular Rescisão Trabalhista de João?

Primeiro referente a salário temos:

João trabalhou 21 dias no mês de rescisão, que conta como 30, logo:
Saldo (21/30):  R$1.400,00   desconto 8% de INSS (R$ 112,00)
Total:  R$1.400,00

Parcela do INSS do empregado sobre salários:  R$112,00
IRPF sobre salários (base = R$1.400,00 – R$112,00 = R$1.288,00):  R$0,00

É zero, pois o empregado recebe menos que o mínimo para desconto do IRPF.

Total de descontos sobre salários:  R$112,00

Segundo, referente ao salário família temos:

O salário família só deve ser pago para salários até R$1.292,43.

Terceiro, referente ao décimo terceiro proporcional temos:

Décimo terceiro proporcional (5/12):  833,33  desconto do INSS: 66,67
Total de décimo terceiro:  R$833,33

Parcela do INSS do empregado sobre décimo terceiro:  R$66,67
IRPF sobre décimo terceiro (base = R$833,33 – R$66,67 = R$766,67):  R$0,00
Total de descontos sobre décimo terceiro:  R$66,67

Quarto, o cálculo das férias

Férias vencidas:  R$2.000,00
1/3 sobre férias vencidas:  R$666,67
Férias proporcionais (4/12):  R$666,67
1/3 sobre férias proporcionais:  R$222,22

Total de férias:  R$3.555,56

Parcela do INSS do empregado sobre férias:  R$0,00
IRPF sobre férias (base = R$0,00):  R$0,00

Total de descontos sobre férias:  R$0,00

Por fim, outros vencimentos:
Total de outros vencimentos:  R$0,00

Parcela do INSS do empregado sobre outros vencimentos:  R$0,00
IRPF sobre outros vencimentos (base = R$0,00):  R$0,00

Total de descontos sobre outros vencimentos:  R$0,00
Outros descontos do empregado

Total de outros descontos:  R$0,00

Contas Finais

Total de Vencimentos: R$1.400,00 + R$0,00 + R$833,33 + R$3.555,56 + R$0,00 = R$5.788,89
Total de Descontos: R$112,00 + R$66,67 + R$0,00 + R$0,00 + R$0,00 = R$178,67
 

Total para João:

 

R$5.610,22

Pode parecer um pouco complicado mas com estas indicações de quais valores tem de saber e como utilizá-los não deve ter grande problema em fazer o calculo exato, apenas vai demorar um pouco como é normal.

Mais artigos relacionados:

E então, já ficou a saber como calcular calculo exato para rescisão trabalhista da melhor forma e tudo explicado?

Deixe a sua resposta nos comentários junto com alguma dúvida ou sugestão com que tenha ficado após a leitura dos artigo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...
2 comments Add yours
  1. tenho 5 anos e 2 meses de trabalho e ganho 1.200.00 mais eu pedi demissão .
    gostaria de saber o calculo exato não tenho ferias atrasada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *