Como Calcular Seguro Desemprego Facilmente em Minutos

Em época de incertezas temos que estar atentos a tudo que ocorre com relação às questões trabalhistas em nosso país, por isso, é muito importante aprendermos como calcular seguro desemprego facilmente em minutos.

Muitas vezes não nos preparamos para o contexto de uma eventual demissão inesperada e precisamos da proteção do seguro desemprego, sendo através dele que:

  • Podemos ter a tranquilidade necessária do sustento após a demissão.
  • Temos mais calma para buscar uma nova colocação no mercado de trabalho.
  • O trabalhador se sente protegido e com maior poder de barganha perante o seu empregador.

Ou seja, além do seguro desemprego ser a garantia ideal para o trabalhador, também é instrumento que evita sua coação da parte do mais forte para o mais fraco.

O Que é o Seguro Desemprego?

Ele é nada mais é que um benefício pago a todo trabalhador com carteira assinada (dentro das condições da CLT) e que tenha sido dispensado do serviço sem uma causa justa.

Hoje, por exemplo, o valor do seguro desemprego pode variar entre um salário mínimo até em torno de R$ 1600,00.

Quem Tem direito ao Seguro Desemprego?

Para saber se você tem ou não direito, lei atentamente os itens a seguir!

  • O trabalhador que for demitido sem uma justa causa.
  • Ter um ano de trabalho ininterrupto antes da data da demissão.
  • Não possuir renda própria alternativa (como o recebimento de alugueis, por exemplo).
  • Não estar recebendo outro tipo de benefício junto à previdência social.
  • Ser trabalhador vinculado as normas da CLT.

Como é Pago o Seguro Desemprego?

O trabalhador precisa passar por uma avaliação antes do pagamento ser acordado, no entanto geralmente o valor do seguro é pago em parcelas entre três a cinco meses.

Contudo, é muito interessante que o trabalhador fique atento ao prazo limite para pedir o benefício, pois o mesmo tem apenas cento e vinte dias, a contar do momento em que foi demitido, para dar entrada no seguro desemprego, do contrário perderá o direito.

Como Calcular Seguro Desemprego

É bastante fácil ficar a saber como calcular seguro desemprego como irá ver abaixo.

Se um trabalhador recebia algo em torno de R$ 1450,00 então ele deverá receber de seguro algo em torno de 80% desse valor, ou seja, R$ 1160.

Caso um trabalhador receba de salário entre R$ 1450,00 a R$ 2017,00 então a alíquota muda, caindo para 50% desse valor, só que acrescido de R$ 1160,18.

Portanto, se esse trabalhador recebia R$ 1500,00, então pegamos o valor de R$ 750 (50% de R$ 1500,00) e somamos com mais R$ 1160, totalizando de seguro R$ 1910,00.

Mas se um trabalhador receber mais que R$ 2017,00 então receberá um valor fixo de R$ 1643,00.

Atualização dos valores

Anualmente esses valores mudam, primeiro por questões políticas, segundo para fazer a devida correção frente a inflação. Por isso é importante sempre antes de fazer o calculo de consultar a tabela específica no site do ministério do trabalho.

Onde Requerer?

O trabalhador poderá solicitar o benefício em qualquer agência da Caixa Econômica Federal (CEF), no SINE – programa nacional de emprego, nas superintendências regionais ou até mesmo em qualquer outro órgão habilitado pelo ministério do trabalho.

Para tanto é interessante consultar o site do ministério do trabalho, não só para agendar o atendimento, mas para saber se o local desejado é efetivamente um local próprio para esse tipo de serviço.

Aproveite e leia também com calma a relação dos documentos exigidos para dar entrada no benefício, assim você torna tudo muito mais fácil.

Mais artigos relacionados:

E então, já ficou a saber como calcular seguro desemprego, quem tem direito, como é pago, onde requerer, etc…?

Deixe a sua resposta nos comentários junto com alguma dúvida ou sugestão com que tenha ficado após a leitura dos artigo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *